Como conseguir que ela faça a depilação genital completa
Partilhar
0 Partilhas
Clique para ver mais...

Créditos da Imagem Autor:

Se já está um bocadinho farto da selva dos anos 80 que paira lá em baixo, ou do corte à escovinha dos anos 90, bem-vindo ao século XXI: tudo careca, lá na terra do pólo sul.

Mesmo que não se importe muito com a situação “cabeluda”, mas até acharia uma certa piada ao facto dela fazer a depilação genital completa, ou como se diz no mundo feminino, depilação brasileira, descubra como convencer a sua parceira a embarcar no barco do amor brasileiro…

Não há nada como a visão e o toque da dita área bem suave e depilada para que um homem se sinta logo no céu da fantasia sexual.

Muitas mulheres, seja lá por que razão for, ainda não aderiram, ou nem pensam em aderir a esta nova ideia de terem a zona genital completamente depilada. Mas existe sempre uma hipótese de a convencer, quer saber como?

Diga-lhe que é a sua fantasia

Nada melhor do que imaginar pegar numa lâmina de barbear e, pouco a pouco, ir limpando a zona genital da sua companheira – sentir-se-á um descobridor da terra prometida. Diga-lhe como o irá fazer: lentamente e com muito creme à mistura. Deixe-a imaginar como vai ser sensual e como ela se irá sentir desejada por si. A imaginação dela será a sua maior aliada nesta conquista, por isso, esforce-se por estimulá-la. E não se esqueça de mencionar o quanto o sexo oral será bem mais erótico para ela.

Simplesmente diga-lhe

Num jantar romântico/sensual, ou num momento mais intimo, especialmente depois de lhe ter dado um grande orgasmo, confesse-lhe acerca de como gostaria que ela experimentasse depilar a zona genital por completo. Não se esqueça de mencionar o quanto perfeita ela é, e que – isto é importante –, não é uma questão de estética mas de fantasia sexual! Ela não deverá pensar que você acha que a zona genital dela é feia, ou que não a aprecia; ela deverá perceber que é apenas uma questão de fantasia, e que até pode fazer isso apenas uma vez, e mais tarde voltar ao que era antes…

Faça-a pensar que a ideia é dela

Antes de atirar com a sugestão, comece por averiguar a posição dela acerca do assunto. Se a sua parceira for alguém fácil com quem conversar, então esta parte será fácil. Comece a falar de forma divertida acerca da nova “moda” dos penteados genitais. Diga por exemplo que um colega seu do trabalho disse que a mulher dele faz depilação genital completa, e que o sexo passou a ser mais sensual para ambos. Pergunte-lhe a opinião dela, e o que ela pensa sobre o assunto. Observe como é que ela reage à sua afirmação. Faça sempre este tipo de questão com um ar malandro e divertido, e verá que, se ela for alguém sem preconceitos, será ela a sugerir a ideia. E já sabe, foi ela que pediu muito…

Convença-a no banho

Nada melhor que estar no local certo à hora certa. Junte-se a ela no duche, e aproveite para sacar da lâmina de barbear e da espuma. Brinque com a situação, coloque um pouco de espuma na zona genital dela, e de forma brincalhona diga-lhe algo como: ”E se hoje fosse a tua vez? Está na hora de teres um novo corte”. Isto pode correr bem ou mal, mas se correr bem poderá ter um bónus, poderá ser você a fazer a depilação! Ofereça-se para ser o barbeiro sensual da sua mais que tudo; encarar a personagem pode ser divertido para ambos.

Durante os preliminares

Durante os preliminares, e isto ou corre muito bem, ou muito mal, diga-lhe que tem a fantasia de a depilar para que lhe possa fazer o melhor sexo oral de sempre. Previamente, prepare a lâmina de barbear e um creme para o efeito e coloque-os ao pé de si, sem que ela se aperceba. Se ela disser sim, só tem de pegar nos utensílios e colocar as mãos na massa. Se disser que não, então terá de se contentar com um não, e mais tarde conversar com ela acerca do assunto, onde possam ambos entender-se e perceber os pontos de vista distintos.

Se tu fizeres eu também faço

É uma boa forma de a convencer, se ela fizer você também o fará. Na realidade proponha-lhe uma sessão de depilação em conjunto. Ela fará a depilação a si e você a ela, por esta ordem, afinal ela tem de acreditar que é mesmo verdade. No final só os espera uma maratona de sexo oral muito sensual.

Uma boa relação baseia-se na comunicação e na capacidade de respeitar os desejos e vontades de ambos. Certifique-se que transmite o que pretende para que ela perceba que está a ser honesto. Finalmente, não se esqueça que se pretende que a sua parceira esteja “raspadinha”, então deverá dar o exemplo, mantendo a sua área genital fresca e limpa.

Newsletter

Assine a nossa newsletter e receba todas as novidades por email!

Cromossoma Y