Como mudar os seus hábitos alimentares hoje
Partilhar
0 Partilhas
Clique para ver mais...

Créditos da Imagem Autor:

Todos sabemos que fazer dieta não é fácil. Fazer dieta é um compromisso, e nem sempre os compromissos duram o tempo que se deseja. Porém, se quiser perder peso e viver de forma mais saudável, se alimentar melhor deve estar nos seus planos, começando hoje a mudar os seus hábitos alimentares. Pode pensar que a comida mais saudável pode ser mais dispendiosa, mas a pizza e o hambúrguer e todos os maus snacks que come, com o tempo, começam a fazer os seus estragos. Quanto pior comer, pior se sentirá. Por isso mude, e não amanhã ou para a semana, comece já a sua dieta.

Mude as porções

Se há algo fácil de fazer, é mudar as porções do que come. Para deixar de comer até sentir o seu estômago a rebentar, encha menos o prato. O seu estômago é do tamanho do seu punho, se comer mais do que isso só o estará a expandir. Mude o tamanho do seu prato, nem que seja para um prato de sobremesa, e comece por comer apenas o que esse prato levar, e nada mais.

Não coma até estar cheio

Coma até estar satisfeito e não até estar cheio! Nem que para isso tenha de beber 2 copos de água à refeição. O cérebro demora o seu tempo a sentir que o estômago está cheio, por isso, coma devagar, para que o cérebro tenha tempo de receber o impulso que lhe diz que já está satisfeito. Isto pode ser duro durante os primeiros 3 ou 4 dias, mas logo depois o seu estômago adapta-se.

Tenha paciência

Não queira já amanhã passar a comer metade do que come hoje. Faça uma transição com calma, porque senão a sua dieta irá falhar. Deve começar por usar um prato mais pequeno do que usa agora, e depois outro mais pequeno, e por aí adiante. Se não gosta de legumes, comece pouco a pouco a incluí-los na sua refeição (está comprovado que é necessário comer pelo menos durante 12 dias um alimento de que não se aprecie, para se habituar a gostar dele). Comece a incluir um acompanhamento de salada no seu prato, depois vá aumentando o acompanhamento das verduras e diminuindo o arroz e a batata. Até ficar quase com verduras e uma porção de proteína, de preferência magra, como peixe ou galinha.

Sede? Beba água

Alguns refrigerantes têm o equivalente a 80 gramas de açúcar por cada 100 ml! Outros têm menos, mas nada substitui um bom copo de água. Se não gosta de água simples, beba água com gás e umas gotas de limão, será algo diferente, mas significativamente muito menos calórico. Pouco a pouco, comece a substituir.

Tenha uma base de reforço positivo

O problema não reside em comer apenas uma refeição saudável, reside em comer todas, ou em desfrutar maioritariamente de uma dieta saudável. A tentação está sempre presente, e quebrar o hábito é saudável, mas por rara exceção e não por rotina. Peça à sua companheira e colegas de trabalho para não o deixarem comer coisas que não deve, e para comerem esses alimentos longe da sua visão. Se forem seus amigos irão respeitar a sua decisão e ajudá-lo nesta fase. Não tenha medo ou vergonha de pedir ajuda.

Livre-se das porcarias de casa

Faça uma limpeza à sua cozinha e frigorífico: tudo que não for saudável, e tiver açúcares refinados, deite no lixo, e não volte a comprar mais. Ao não ter estes alimentos em casa, quando lhe der a vontade de comer aquele salgadinho, não o vai ter, logo, não o vai comer. Em vez de snacks sem valor nutritivo e comida pouco nutritiva tenha sempre à mão alguns snacks saudáveis como frutos secos e fruta fresca. Dessa forma, quando sentir fome irá optar por alimentos mais saudáveis e a sua dieta irá continuar em boa forma.

Idealize os resultados

Não adianta nada fazer algo se não puder imaginar a sua utilidade no futuro. Imagine-se hoje com um aspeto melhor, numa roupa mais elegante, com mais energia, com mais miúdas a olharem para si.... Visualize todos estes benefícios e concentre-se neles. No início pode custar mais, mas depois passará a ser apenas uma rotina, e quando começar a ver resultados verá que o esforço compensa e quererá continuar.

Newsletter

Assine a nossa newsletter e receba todas as novidades por email!

Cromossoma Y